Pense e Viva

Presentes para Jesus

E mais um natal acontece. Como todos os anos, presentes são dados e recebidos; amigos, familiares e colegas de trabalho mantém a tradição de trocar presentes entre si… Mas se pararmos para pensar bem, há algo de estranho nisso.
Não lhe pareceria estranho participar  da comemoração do aniversário de alguém onde todos os convidados trocam presentes entre si e o único que não recebe nenhum presente é o próprio aniversariante?

Isso não acontece nos aniversários que participamos, mas acontece no aniversário de Jesus. Embora, biblicamente, essa não seja a data do seu nascimento, é nesse dia que comemoramos. E o que acontece? O aniversário é Dele, mas os presentes são nossos! Bem poucos são os que oferecem algum presente a Jesus nessa data, comparado ao grande número dos que pedem presentes a Ele durante todo o ano.
Será que não é tempo de celebrar quem realmente merece ser celebrado? Será que não está na hora de oferecermos nossos presentes a Ele ao invés de Lhe pedir algo?
A propósito, não podemos oferecer qualquer coisa para aquele que, ao nascer, foi presenteado por reis com ouro, incenso e mirra: “E, entrando na casa, acharam o menino com Maria sua mãe e, prostrando-se, o adoraram; e abrindo os seus tesouros, ofertaram-lhe dádivas: ouro, incenso e mirra”. (Mateus 2:11)

Esse é o padrão do que devemos dar. O ouro simboliza o que há de mais precioso, puro e valioso que possa ser oferecido,  que passou pelo fogo para perder todas as impurezas, era o presente que se oferecia aos reis. O incenso representa  a vida de comunhão e oração, era oferecido como oferta agradável ao Senhor, sua fumaça subia à presença de Deus: “Suba a minha oração ante ti como incenso” (Salmos 141:2). A mirra é um óleo aromático, de odor agradável, extraído sob pressão, e que era usado, entre outras coisas, para embalsamar os mortos; simboliza o viver de forma agradável a Deus, até a morte.
Dessa forma, podemos analisar que tipo de presentes temos oferecido à Jesus.
Temos feito o nosso melhor por Ele e pelo reino? O que temos oferecido no nosso dia a dia: ouro ou sobras? Na maneira como temos vivido, Jesus cumpre o papel de Rei ou de Aladim?
Como está nossa comunhão com Ele? Nossa vida de oração tem subido à Sua presença como incenso ou nossa comunhão é do tipo “fogo de palha”?
E qual “cheiro” exala de nós quando somos pressionados? As pressões da vida tem extraído de nós um aroma de adoração, agradável como a mirra, ou o cheiro de morte exala de nossas atitudes?
Hoje haverá uma festa, você está convidado e terá que levar presentes para o aniversariante. O que oferecerá a Ele?
Pense nisso e ponha em prática.
Feliz Natal
Que o Senhor Jesus te abençoe.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Alguns campos com * são obrigatórios.








AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na leitura acima, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.