Pense e Viva

De quem você é fã?

Dia desses estava assistindo uma reportagem sobre o primeiro aniversário da morte de um jovem cantor sertanejo. Em determinado momento da reportagem algo me chamou muito a atenção: Mesmo um ano após a morte do cantor, ainda existem 120 fã clubes ativos, espalhados pelo país.

Fiquei um bom tempo pensando sobre o fascínio que os ídolos exercem sobre as pessoas, e o que essas pessoas são capazes de fazer para expressar a sua admiração por esse ídolo.

A necessidade que o ser humano tem de prestar adoração á uma pessoa, animal ou objeto, vem de longa data. Desde que Adão e Eva foram expulsos do paraíso e perderam a comunhão com Deus, o homem começou sua saga em busca de um referencial, ato contínuo até os dias de hoje.

Com a facilidade e a velocidade proporcionada pelos meios de comunicação, basta alguém se destacar em alguma área da sociedade, principalmente na música e nos esportes, para que logo apareça um grande número de admiradores e seguidores propagando seu amor e devoção, elevando um simples mortal ao status de ídolo.

Já diz o velho ditado que “gosto não se discute” e por isso não quero discutir aqui as qualidades ou defeitos, artísticos ou morais, dos escolhidos do público.

Não tenho nada contra quem se dedica a estudar a fundo a vida de uma pessoa que admira, nem tampouco as loucuras que muitas vezes são feitas para passar alguns poucos momentos perto dessa pessoa; afinal de contas, somos reféns de nossas próprias escolhas e cada um prestará contas á Deus dos seus próprios atos.

O que quero refletir através desse texto é o “retorno” de tanta dedicação.

Por mais que tente, nenhum artista consegue dar um retorno pessoal a cada um dos seus fãs. Mesmo que esteja muito bem assessorado, seria praticamente impossível atender a demanda. O artista tem sua vida privada. Ainda que muitos fãs não considerem isso, eles tem suas casas e famílias para atender, tem necessidades iguais a todo ser humano, são de carne e osso.

É um, recebendo o carinho de milhares! Acredito que muitos artistas atendam pessoalmente a necessidade de um fã em caso de uma necessidade extrema, como uma enfermidade ou uma tragédia pessoal por exemplo. Fora isso, caso você não tenha a oportunidade de participar de algum programa de televisão no qual o seu ídolo também esteja, seu relacionamento com ele será algo do tipo: “Conheço tudo sobre alguém que não sabe nada sobre mim”!

Na maioria das vezes, e não por culpa deles, os ídolos recebem devoção, carinho, amor, presentes, são idolatrados e defendidos por pessoas que eles nem conhecem, não sabem o nome nem quem são os seus pais, não sabem de onde vieram, com o que trabalham nem com o que sonham. Recebem tanto, mas, mesmo que desejassem, não tem como retribuir à altura.

Agora imagine se a pessoa que você escolheu para ser seu ídolo soubesse tudo a seu respeito. Imagine ouvir aquela voz que você tanto ama te chamando pelo nome, perguntando como foi o seu dia, querendo saber se você foi bem naquela prova que estava te deixando em pânico. Imagine se o teu ídolo conhecesse a tua rotina, se ele conhecesse a história da tua família, e se ele te ligasse a noite para te desejar uma boa noite de sono e te dizer que está junto contigo naquele projeto que você tem sonhado, e ao desligar o telefone te dissesse: Boa noite, durma bem, eu te amo!

Conheço um ídolo assim. Talvez você também o conheça e o siga assim como eu. Ele sabe tudo a nosso respeito, inclusive sobre aqueles que não o seguem.

“SENHOR, tu me sondaste, e me conheces.
Tu sabes o meu assentar e o meu levantar; de longe entendes o meu pensamento.
Cercas o meu andar, e o meu deitar; e conheces todos os meus caminhos.
Não havendo ainda palavra alguma na minha língua, eis que logo, ó Senhor, tudo conheces”.
(Salmos 139:1-4)

“Pois possuíste os meus rins; cobriste-me no ventre de minha mãe.
Eu te louvarei, porque de um modo assombroso, e tão maravilhoso fui feito; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito bem.
Os meus ossos não te foram encobertos, quando no oculto fui feito, e entretecido nas profundezas da terra.
Os teus olhos viram o meu corpo ainda informe; e no teu livro todas estas coisas foram escritas; as quais em continuação foram formadas, quando nem ainda uma delas havia”.
(Salmos 139:13-16)

Não há nada que Ele não saiba sobre nós. Tudo que nos diz respeito o interessa. Ele deseja todos os dias ouvir a nossa voz e seu maior anseio é que vivamos com Ele para sempre, mesmo que para isso acontecer tivesse que morrer numa cruz.

Tanto amor assim me faz pensar que Ele seja nosso fã. Mas na verdade, o ídolo é Ele.

O mundo ainda não percebeu isso.

Ele não tem fã clube! Tem muitos simpatizantes, mas a maioria deles não o conhece de verdade. Muitos conhecem sua história, mas não conhecem sua pessoa. Ele está nos lábios de muitos, mas no coração de poucos. Muitos querem o que Ele têm pra dar, mas não querem a Sua cruz.

Talvez por isso o mundo prefira oferecer o melhor para quem pouco pode fazer por eles. Mas mesmo assim, Ele não desiste de nos conquistar com o seu amor.

Ídolos envelhecem e morrem, e um dia estarão junto com os seus fãs, adorando ao único que é digno de receber o louvor, a honra e a glória.

Mas para aqueles que são seguidores de Cristo, o show nunca termina.

Pense nisso e ponha em prática.

Que o Senhor Jesus te abençoe.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Alguns campos com * são obrigatórios.








AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na leitura acima, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.